14
Fev 12

 

Conversa de irmãos

O João e a Joana eram irmãos e estavam sempre a discutir. Cada um dizia sempre o contrário do outro.

“Alto!”, dizia o João; “baixo!”, respondia a Joana.

“Frio!”, dizia a Joana; “quente!”, respondia o João.

E assim continuavam o dia inteiro: “gordo!”, dizia um; “magro!”, respondia o outro.

Um dia, o João e a Joana tiveram um irmão.

Chamava-se Alberto, mas ficou conhecido por Bebé Mais ou Menos.

Quando o João gritava “loiro!” e a Joana “moreno!”, o Alberto olhava para ambos e concluía: “é mais ou menos…”.

E assim continuaram: “bonito!”, “feio!”, “mais ou menos”…

Um dia fartos de “mais ou menos”, o João e a Joana decidiram ver o que acontecia se eles passassem a estar de acordo.

“Amável!”, gritou o João. E a Joana, em vez de gritar “antipático!”, gritou “amoroso!”.

O João gritou “fácil”, e a Joana “simples”. O João disse “criança” e a Joana “menino”. Olharam para o Bebé Mais ou Menos, para ver o que ele fazia, agora que eles diziam a mesma coisa, e ele nada. Tentaram mais uma vez. “Engraçado!” disse o João; “divertido!”, respondeu a Joana.

O Bebé Mais ou Menos encolheu os ombros.

- Bolas! – disse. – Não se pode conversar com vocês!

                                                            Alice Vieira, Livro com cheiro a chocolate, Texto Editores

 

Depois de leres o texto faz esta tarefa.

 antónimos

 Queres saber mais? Então clica e aprende.

publicado por clic@r e @prender às 00:30

Fevereiro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
15
16
17
18

19
20
22
23
24
25

26
27
29


arquivos
pesquisar
 
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO
blogs SAPO